quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Por onde andará a "Pobreza" do Sr. Silva ?!!

Cavaco Silva durante a sua campanha, sublinhou centenas de vezes, que a pobreza e as desigualdades sociais, eram preocupações que o acompanhavam desde o primeiro mandato. 
Entretanto, ganhou as eleições e  nunca mais tornou a falar em pobres.O que nos leva a concluir, que a pobreza acabou instantemente em Portugal, a partir do momento em que ganhou as eleições.!
Foi este Sr. que,  durante 10 anos seguidos e com os cofres a abarrotar de dinheiros da Europa, deu início à sua “preocupação”! Foi este Sr. que governou  no tempo,  em que Portugal  recebeu rios de dinheiro do Fundo Social Europeu. Nunca houve tanto dinheiro neste país, como naqueles 10 anos dos seus governos.E o que fez este Sr. a tanto dinheiro? Em vez de o usar na reconstrução e modernização de Portugal para criar riqueza e bem-estar, fez obras de fachada e entregou-o nas mãos seus amigos. Foram muitos milhares de milhões que foram gastos em proveito próprio ou em falências fraudulentas. Foi com este Sr. que a “lei da cunha”, começou a atingir o seu máximo sendo seguida depois por todos os seus sucessores. Hoje são milhares de incompetentes que ganham fortunas e nada produzem e que a única coisa que conta no seu curriculum é o cartão de filiação partidária.Foi este Sr. que apoiou projectos das mais variadas áreas, onde o principal requisito era: amizade pessoal ou partidária (mesmo que não tivessem pés nem cabeça). Foi este Sr. que distribuiu sem nenhum controle milhões a falsos agricultores, deixando que estes gastassem o dinheiro como muito bem entendessem, alguns transformando herdades em alojamentos de luxo e comprando iates e veículos topo de gama.Por isso quando o ouço hoje dizer que as desigualdades e a fome são preocupações que o acompanham,  lembro-me, que foi o Sr. um dos que as ajudou a semear!!  
Por favor, nunca mais fale em coisas, de que é um dos principais culpados!
Tenha dó da gente...!!!

5 comentários:

Anónimo disse...

sem duvida!!!

Fábio Paulos disse...

concordo plenamente, abraço

Novas dimensoes do Conhecimento disse...

este individuo devia estar a pagar pelos crimes que cometeu a naçao, ou entao executado, ja !

Manuel disse...

Sem duvidas, mas ainda á Portugueses que no dia 5 vão votar nesta corja que são os políticos de todos os partidos ,vamos deixar de dar apoio aos fundadores da corrupção,dos
chulos POLÍTICOS EU NÃO VOTO....

Rosário disse...

Como posso dizer melhor: faço minhas as vossas palavras. Este individuo fez voar dinheiro público para acabar com algumas culturas agricolas que cultivavamos. O vinho morangueiro passava a vinho impróprio e de segunda, os campos recebiam subsídio mas só se os agricultores arrancassem as colheitas. Nas cidades as fábricas iam morrendo aos poucos, na minha zona caiam como gigantes, holocausticamente cada vez mais famílias ficavam desempregadas e nós, filhos desses operários não percebiamos como estávamos a desenvolver o país se nos retiravam os recursos, como era possível gastar tanto dinheiro europeu e não produzir nada não criar, não podermos ter orgulho no que se produzia por cá. As linhas de caminho de ferro eram abandonadas sem razão ou porquê. Tantas foram as coisas que se fizeram mal e tão pouco foi o cuidado em fazer bem, em avaliar as consequências em repensar as políticas mastigadas e cuspidas por outros países, desde a educação às políticas de desenvolvimento empresarial e alargamento aos capitais estrangeiros. Que "lata" este senhor professor vir falar que se preocupa com os pobres ou desempegados. Este senhor foi assim para mim o princípio do fim.